Kit de ferramentas para moto

Andar de moto, viajar, pegar a estrada ou simplesmente ir trabalhar de moto é uma das maiores paixões de quem tem uma moto como um hobby ou mesmo como o seu principal veículo automotivo. No entanto, quem tem moto sabe e quem quer comprar uma também deve saber: cuidar do seu veículo é fundamental para evitar problemas mecânicos, elétricos ou mesmo estéticos.

Ter um kit de ferramentas básicas é essencial para qualquer motociclista, mesmo que você não seja especialista em mecânica. O importante é estar precavido para que, caso aconteça qualquer problema enquanto você está na rua ou na estrada, você tenha as ferramentas certas para, ao menos, não deixar que um pequeno problema se torne algo tão grande, desastroso e, ainda por cima, mais caro. Confira nossas dicas para montar um kit básico!

Kit para reparo de pneus

d20.16.rodovia.Pedro.pneu.furado.outro.angulo.Pedro
Existem dois tipos de kits para reparo de pneus de motocicletas no mercado. Um é chamado de pré-ativo e outro é chamado de pós-ativo. Com o primeiro reparador, você insere o produto dentro do pneu e o mesmo vai agir como uma espécie de vendagem para um furo, se este ocorrer em algum momento. Já no segundo caso, o reparador pós-ativo, é recomendado que você sempre tenha na sua mochila principalmente em viagens mais longas. Você vai inserir o produto no pneu caso fure. Lembre-se que você pode estar longe de um borracheiro, então, usar uma das duas opções é primordial para não ficar parado esperando resgate.

Kit básico de ferramentas

reparo-pneu-givi

Além dos reparadores de pneus, é importante ter um pequeno kit te ferramentas para motos. Por exemplo, você pode utilizar um canivete multiuso, que pode servir para muitas coisas e funções. Uma dica importante é conhecer bem a sua moto, já que dependendo do modelo, você pode precisar de alguma ferramenta que não está inserida no canivete multiuso. Todo cuidado é pouco para não ficar parado na estrada ou em rodovias.

Além disso, outra dica importante é ficar de olho na manutenção da moto, constantemente. Por exemplo, a lubrificação da corrente deve ser feita com frequência. Um tubo de graxa branca pode ser bem útil para se ter no kit básico. Fora isso, não se esqueça de calibrar os pneus, checar farol, lanternas e setas e assegurar que tudo está funcionando perfeitamente.

%d blogueiros gostam disto: